Available actions

Reader available actions

Share
 

Campos de tiro e manobras.

Description details

Description level

Serie Serie

Reference code

PT/AHM/DIV/3/05/04

Descriptive dates

1736 - 1966

Dimension and support

248 processos (cx. 6 - 26).

Biography or history

Os campo de instrução e manobra serviam para reunirem as forças militares afim de aperfeiçoarem a sua preparação. O Campo de Monte Branco, situado entre Vila Viçosa e Estremoz, foi palco de grandes manobras militares, que se iniciaram em 22 de Novembro de 1763, sob o comando do conde de Lippe. No Campo de Olhos de Água, situado entre Palmela e a Moita, decorreram grandes manobras militares entre 14 de Novembro e 12 de Dezembro de 1757, com efectivos de cerca de 10.500 homens e 1.500 cavalos. No Campo da Real Tapada, em Alcântara, tiveram lugar de 20 a 30 de Maio de 1789 diversos exercícios militares, onde se reuniram várias unidades sob o comando do tenente-general Luís António Guilherme de Valeré. No Campo da Porcalhota, actual Amadora, reuniram-se de 23 de Setembro a 23 de Outubro de 1790, um exército sob o comando do conde de Oeinhausen. No Campo do Quadro, situado junto à Azambuja, realizaram-se exercícios de Outubro a Dezembro de 1798 sob o comando do duque de Lafões, nos quais tomaram parte um corpo de Artilharia e outro de Caçadores, 4 regimentos de Cavalaria e 12 de Infantaria. No Campo da Gandra de Gilmonde, situado próximo de Barcelos, reuniram-se em 1798 várias forças militares. Em 1801, no Campo do Outeiro Seco, reuniram-se vários corpos militares em exercícios. Em 1803, entre Outubro e Novembro realizaram-se diversos exercícios de fogos reais pelo Regimento de Artilharia do Porto, no Campo de Infias, situado na freguesia de Alvarães, no concelho de Viana do Castelo. No Campo da Chainça realizaram-se experiências de Artilharia, com 8 obuses, entre 2 de Abril e 22 de Maio de 1810, na presença do marechal-de-campo José Lopes de Sousa. Por portaria de 18 de Junho de 1844, foi mandado construir em campo de Ourique um campo de instrução para a guarnição de Lisboa. O Campo de Instrução e Manobra de Tancos foi mandado organizar por portaria de 9 de Junho de 1866, por uma comissão de oficiais presidida pelo visconde de Leiria. O Campo de Instrução Militar de Boana, próximo de Lourenço Marques, foi organizado para a realização de exercícios conjuntos das forças da guarnição da província de Moçambique.

Scope and content

Contém processos relativos a exercícios do século XVIII com destaque para o acampamento de Monte Branco, no campo de Olhos de Água, manobras de Kassel, na Alemanha, na tapada de Alcântara e campo da Porcalhota. A partir do séc. XIX surgem as ordens de batalha e directivas para exercícios militares no Alentejo, Gilmonde, Mafra, Abrantes, Trafaria, Terreiro do Paço, Campo de Ourique, Benfica, Tancos e Porto, manobras no campo de Chalons e Hungria; relatórios de missões militares.